Partilhe comigo e com todos os visitantes deste espaço, a sua opinião sobre empreendedorismo, capital de risco, inovação, gestão, business angels, ideias de negócio, balanced score card, planos de negócio...

Sexta-feira, 31 de Julho de 2009
Negócios querem alcançar o sustentável

 

No artigo “Clarity is crucial”, Martin Wolf, defende que o mundo empresarial deve exigir aos governos o que mais necessita – um conjunto de politicas globais claras e consistentes. O que Wolf refere neste artigo é algo que o mundo empresarial há já muito tempo tenta transmitir aos Governos.

Qualquer empresário compreende que nunca poderá ser bem sucedido numa sociedade que falhe. Se as alterações climáticas continuam a crescer, como têm até agora, parece-me existirem poucas dúvidas quanto ao futuro do planeta, ou seja, tenho poucas dúvidas que viveremos num planeta onde teremos os recursos muito escassos e onde os níveis de carbono estarão alterados de um modo talvez irreversível.

Os empresários vivem no mesmo mundo que todas as outras pessoas, utilizam o mesmo solo, circulam e viajam pelo mesmo planeta e querem, tanto como todos, preservar o futuro para as suas crianças. Sendo estes quem providencia emprego para eles e para outros, os empresários querem, paralelamente proteger os seus negócios e a sua capacidade para ter lucros. Os negócios são parte integrante da sociedade e, como tal, devem ser parte activa na resolução desses problemas, devem ser parte activa na formulação de soluções.

E é isso que um negócio necessita: um enquadramento transparente, previsível, com medidas longo termo (2015-25), com compromissos de todos os interessados e com uma cuidadosa partilha de responsabilidades, discernir sobre economias emergentes, politicas nacionais adequadas e um continuo desenvolvimento de competências e de recursos que suportem estas iniciativas.

É isso que estou a tentar mostrar e trazer à discussão publica através desta iniciativa de posts sustentáveis no meu blog. A minha mensagem para todos, passa por mostrar a quem de direito, nomeadamente, decisores políticos e players, que o mundo empresarial não é um entrave ao combate às alterações climáticas, mas antes, tem a maior das vontades para operar as mudanças necessárias.

 



publicado por Francisco Banha às 10:19
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
15
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

Negócios querem alcançar ...

arquivos
tags

todas as tags

Blogs Recomendados

- Portal do Empreendedorismo no Desporto
- Antonuco
- iZNovidade
- Start-Up Whisperer
- Seth Godin
- Venas Inside
- No Fio da Navalha

subscrever feeds